companhias

Zurich registra avanço nas vendas mundiais até setembro

Denise Bueno
Escrito por Denise Bueno

O grupo Zurich registrou crescimento nas vendas de janeiro a setembro deste ano, sendo de 2% nos prêmios de seguros gerais, para US$ 25,87 bilhões, e de 3% em vida, para US$ 3,57 bilhões. A Farmers registrou prêmios de US$ 15,5 bilhões no período, alta de 2%. O grupo confirmou suas metas financeiras nesta quinta-feira, apesar do impacto das perdas maiores do que o esperado por catástrofes naturais. Na América Latina, os prêmios brutos emitidos aumentaram 7%, impulsionados pelos negócios de varejo no Brasil e na Argentina.

“Estamos satisfeitos com o desenvolvimento de nossos negócios nos primeiros nove meses do ano e estamos no caminho certo para alcançar nossas metas financeiras de 2017-2019”, disse o diretor financeiro, George Quinn, em um comunicado distribuído à imprensa. “A vida continua a ter um desempenho muito forte, enquanto os Farmers Exchanges2 estão vendo um bom momento nas principais métricas dos clientes e na lucratividade subjacente. Em Property & Casualty continuamos a nos concentrar na rentabilidade sobre os volumes no que continua sendo um ambiente desafiador. Também continuamos a executar nossa estratégia com a anunciada aquisição da Adira Insurance na Indonésia e a integração dos negócios adquiridos da QBE na América Latina. ”

O grupo não divulga números do lucro de nove meses, mas disse que as perdas climáticas e catástrofes naturais estavam um pouco acima dos níveis esperados. Esperava perdas de aproximadamente US$ 175 milhões do furacão Michael no quarto trimestre.

O grupo também informou que entrou em um acordo para vender a Zurich Seguros S.A. na Venezuela, da qual espera ver um ajuste negativo de conversão de moeda de cerca de US$ 258 milhões.

As seguradoras em todo o mundo vêm reestruturando seus negócios para lidar com pressões competitivas e regulatórias, incluindo pressões de preços e as perdas recordes de desastres naturais do ano passado.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário