capitalização

Capitalização fatura R$ 8,6 bi de janeiro a maio

Denise Bueno
Escrito por Denise Bueno

Release

Nos cinco primeiros meses do ano, as 17 empresas representadas pela Federação Nacional de Capitalização (FenaCap), faturaram, juntas, R$ 8,6 bilhões. Em comparação ao ao mesmo período do ano passado, o montante representa um crescimento de 8,1%, num universo de 17 milhões de clientes com títulos ativos.

Ainda de acordo com os dados divulgados pela FenaCap, o valor das provisões técnicas – os recursos acumulados e, posteriormente, resgatados pelos clientes antecipadamente, ou no fim da vigência – também cresceu, fechando o período com R$ 29 bilhões, aumento de 2,7%. Confirmando tendência verificada no ano, houve redução de 7,2% no volume de resgates, que ficaram em R$ 7,1 bilhões.

“Esse desempenho do segmento, que mostra avanço no faturamento e nas provisões técnicas, associado à redução dos resgates, reforça o novo comportamento do consumidor, mais cauteloso diante das incertezas econômicas”, avalia Marcos Coltri, presidente da FenaCap.

Os dados da federação mostram ainda que, nos cinco primeiros meses do ano, foram distribuídos R$ 448 milhões em prêmios a clientes de títulos de capitalização de todo o Brasil. A cada dia útil do período, as empresas de Capitalização pagaram o equivalente a R$ 4,3 milhões em sorteios. O Sudeste foi a região que recebeu o maior volume de prêmios. Ao todo, foram R$ R$ 199 milhões distribuídos para os clientes dos estados do Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

O executivo Marcos Coltri assumiu a presidência da Federação Nacional de Capitalização – FenaCap, em lugar de Marco Antonio da Silva Barros, que esteve à frente da entidade por quase sete anos. A mudança já era esperada desde que Barros assumiu a presidência da Brasilprev, em março de 2018.

Formado em Administração de Empresas com especialização em Marketing e Finanças, Coltri foi diretor comercial da Brasilcap entre fevereiro de 2014 e outubro de 2017 e, atualmente, é membro do Conselho de Administração da empresa. Executivo de carreira do Banco do Brasil desde 1988, Marcos Coltri também foi diretor comercial do grupo segurador BB Mapfre e, no momento, ocupa a diretoria de Empréstimos, Financiamentos e Crédito Imobiliário do banco.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário