Seguradoras mudam eventos e volta ao trabalho com aumento de casos de Covid-19, Omicron e Influenza

O Brasil registrou 45.717 casos de covid ontem, maior número desde setembro, o que fez a média móvel aumentar 477% em relação a duas semanas atrás

omicron seguradoras

As seguradoras acompanham a evolução das infecções respiratórias no Brasil e no mundo. Tanto para calibrar o risco em seus contratos como também para tomar decisões como eventos e retorno dos funcionários para o escritório, que até ontem estavam agendados para a primeira quinzena de janeiro.

Seguros é um setor que valoriza o presencial, uma vez que os negócios tem como base a boa fé, o olho no olho. A pandemia impactou todos, que estavam acostumados a eventos presenciais todo santo dia, desde um congresso com mais de 1 mil pessoas até happy hour com clientes no final do dia. Todos contavam os dias para o retorno dos eventos e para conhecer os novos escritórios, totalmente reformulados para uma nova realidade de trabalho híbrido. Com direito até mesmo a um espaço para o PET.

O avanço da vacinação trouxe otimismo e várias companhias começaram a testar um modelo híbrido, principalmente para as áreas comerciais e de inovação, a partir de agosto, com no máximo 20% do quadro funcional. O Brasil é um dos países destacados no ranking mundial, com cerca de 67,7% da população totalmente vacinada até janeiro de 2022, contra 49,8% do mundo, segundo o portal Our World in Data. 

Infelizmente, o farol vermelho acendeu ontem, com a primeira morte em decorrência de uma infecção da variante ômicron. A vítima é um homem de 68 anos, morador da cidade de Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital de Goiás. A ômicron já é responsável pela maioria dos casos de covid-19. Um levantamento do Instituto Todos Pela Saúde com base em amostras coletadas por laboratórios na última semana de 2021 encontrou a ômicron em 92% dos casos.

O Brasil registrou 45.717 casos de covid ontem, maior número desde setembro, o que fez a média móvel aumentar 477% em relação a duas semanas atrás. A média de mortes segue estável, mas há começa a faltar medicamentos, kit para testes e o movimento dentro dos hospitais aumenta dia a dia, ainda sem comprometer as UTIs, que estão com menos de 30% de ocupação.

Diante deste cenário, o plano B entrou em ação. Estava tudo pronto para MAG Seguros realizar seu tradicional e esperado evento anual no dia 14 de janeiro, quando completa 186 anos. Três dias de festa, começando com o Congresso Potencialize, direcionado a corretores de seguros com o objetivo de desenvolver e capacitar esses profissionais, a premiação dos melhores parceiros de vendas e o tradicional baile, chamado Galo de Ouro para encerrar as conquistas de 2021.

Diante do avanço das doenças infecto contagiosas, a direção do grupo cancelou o evento presencial. Uma frustração geral de todos os convidados, que adoram ser acolhidos pelo carinho da equipe MAG, comandada pelos Molinas — o filho Helder que é o CEO e pelo pai Molina, presidente do conselho –, com organização do CMO e responsável pelo marketing do grupo, Nuno David.

Do modelo híbrido previsto inicialmente, o Potencialize será novamente, como e 2021, virtual. Contará com a participação de diversos convidados para falar sobre saúde, economia, tecnologia e planejamento financeiro. As palestras acontecerão no dia 14 de janeiro, às 8h30, com transmissão online e gratuita para os corretores, funcionários e jornalistas.

AXA suspende atividades presenciais até dia 24

A AXA Seguros, após 18 meses de operação 100% em Home Office (março/2020 até agosto/2021), iniciou, em agosto de 2021, um projeto piloto de retorno ao escritório apenas com voluntários e percentual bem reduzido em relação à população total de colaboradores, sempre seguindo os protocolos sanitários e uso obrigatório de máscaras. “A ideia é evoluir nesse projeto este ano, consolidando o modelo híbrido de trabalho, mas, neste momento, com aumento dos casos de diagnósticos de doenças respiratórias em vários estados do País, todas as atividades presenciais da companhia estão suspensas até 24 de janeiro, quando faremos uma nova avaliação do cenário”, afirma Alexandre Campos, diretor executivo de RH, Jurídico, Compliance e Responsabilidade Social da AXA Seguros.

SulAmérica recomenda encontros presenciais somente a partir do dia 17

Na SulAmérica, a recomendação é para que reuniões, encontros e eventos presenciais de seus times sejam agendados, preferencialmente, a partir do dia 17 de janeiro. O grupo afirma monitorar atentamente a evolução do quadro epidemiológico de Covid-19 e Influenza, junto às autoridades de saúde, em cada um dos municípios que a seguradora possui espaços físicos de trabalho. Cerca de 97% do seu time de mais de 4,5 mil colaboradores, em todo o Brasil, já estão vacinados com pelo menos uma das doses contra a Covid-19.

O trabalho híbrido vem sendo gradualmente retomado pela companhia, desde o ano passado, por meio do novo Modelo SulAmérica de Trabalho, que prevê até 70% de remotização no pós-pandemia. O projeto é implementado em fases. Na última segunda-feira (03/01), a terceira etapa do projeto entrou em ação, na qual as sedes em São Paulo e Rio de Janeiro, e mais de 30 filiais de relacionamento da companhia no país, retornaram ao funcionamento com revezamento das equipes, em regimes que variam de meio período a dois dias presenciais.

De acordo com a SulAmérica, a ideia é priorizar interações presenciais de times, corretores e parceiros para momentos que importam, em espaços compartilhados e colaborativos, seguindo todos os protocolos de segurança para reduzir os riscos de contágio da doença. Trata-se de mais uma iniciativa da SulAmérica para reforçar, internamente, o conceito de Saúde Integral, que busca o equilíbrio entre as saúdes física, emocional e financeira.

“Os momentos que importam presenciais são aqueles em que a interação física é mais produtiva ou agrega mais valor para os colaboradores e para os negócios, envolvendo criatividade e colaboração, conversas importantes, além de oportunidades de engajamento e descompressão, entre outros. Essas ocasiões serão predefinidas com as lideranças das equipes, permitindo o planejamento e agendamento prévio dos espaços na companhia que agora passam a ser compartilhados. Todos nossos colaboradores receberão um tutorial e orientações para boas práticas de uso do espaço físico, conforme forem aderindo ao novo Modelo SulAmérica de Trabalho”, explica Patrícia Coimbra, vice-presidente de Capital Humano, Administrativo, Sustentabilidade e Marketing da SulAmérica.

Bradesco monitora situação pandêmica

O grupo Bradesco Seguros informou tem trabalhado na estruturação de um plano de retorno gradual, alinhado às normas de saúde e segurança, ouvindo especialistas e priorizando a proteção de todos os funcionários do grupo. “No final de 2021, iniciamos parcialmente o retorno dos funcionários à Companhia, de modo híbrido (alternando entre presencial e home office). A evolução do retorno, continuará de forma gradativa e com o monitoramento do comportamento da Pandemia Covid-19 e dos indicadores de saúde”, ressaltou.

AON tem comitê para organizar o retorno seguro do funcionários

Recentemente, todos os escritórios da Aon Brasil foram autorizados pelo Centro Global de Operações de Emergência a reabrir para o retorno dos colaboradores ao trabalho presencial. Ainda não há data definida para abertura, porém, ela acontecerá de forma gradativa e híbrida, por meio de um Projeto Piloto. 

Um comitê multidisciplinar foi criado para trabalhar no Projeto, que envolve desde pesquisa de intenção de retorno por parte dos colaboradores e sua avaliação de saúde, até e o estabelecimento de medidas e protocolos para garantir um ambiente seguro a todos que participarem do Piloto, que, no primeiro momento, contará com uma ocupação restrita da capacidade do espaço.          

Como consultoria global, temos acompanhado e desenvolvido modernos protocolos, como de avaliação de colaboradores e monitoramento da saúde e segurança, para que todos possam ter um retorno seguro. À medida em que trabalhamos nos planos de reabertura parcial dos escritórios no Brasil, reforçamos que todos os colaboradores podem continuar a trabalhar virtualmente até que validemos nosso novo formato definitivo e híbrido. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui