Corretores mercado

ARTIGO: O maior Conec de todos os tempos

Denise Bueno
Escrito por Denise Bueno

por Alexandre Camillo, presidente do Sincor-SP (Sindicato dos Corretores de Seguros em São Paulo).

O Conec, maior evento do setor de seguros no Brasil, cresce a cada edição e este ano vai se superar. Em 2018 temos a 18ª edição deste mega evento realizado pelo Sincor-SP a cada dois anos, que nasceu em 1982 com o nome de Congresso Estadual dos Corretores de Seguros, mas há um tempo reúne profissionais de todo o Brasil.

Preparando a categoria para os desafios que surgem a cada dia em maior quantidade, especialmente por atuarmos em um setor com enorme potencial e espaço a ser percorrido, o Conec é reconhecido por oferecer conteúdo de qualidade, com temas e palestrantes relevantes do momento, e a maior feira de negócios do mercado de seguros. Combina qualificação e relacionamento, imprescindíveis para o desenvolvimento na atividade, não apenas para os corretores de seguros, como para todos os profissionais da indústria. Na 17ª edição, em 2016, 6.600 profissionais estiveram reunidos em três dias de congresso.

O maior desafio na elaboração de cada nova edição do Conec é superar expectativas. Por isso, quando acaba uma edição já começamos a pensar na próxima. Reinventar e aprimorar um evento desta magnitude é um senhor desafio, o qual aceitamos ousando e empreendendo.

O 18º Conec, de imediato, já apresenta grandes mudanças. Para receber o público cada vez mais crescente – nesta edição esperamos chegar a 10 mil participantes! – o evento será realizado em novo local. No Transamérica Expo Center teremos instalações maiores e mais modernas, climatizadas, possibilitando receber e desenvolver o Conec da maneira mais apropriada possível e oferecendo conforto a todos, congressistas e expositores.

Para atingirmos as 10 mil participações, algumas ações foram desenvolvidas, a começar pelas condições especiais de pagamento, com parcelamento em até 10 vezes no cartão de crédito e boleto. E temos a grande novidade com a participação de pessoas com vínculo colaborativo nas corretoras, sejam colaboradores da empresa propriamente ditos ou parceiros de negócios. Esse era um pleito antigo tanto dos corretores como de seus colaboradores, e irá permitir que aqueles que estão envolvidos com o dia a dia das corretoras absorvam esta enorme dose de conhecimento, de forma que esta ação também favorece o corretor em seu dia a dia, porque seu parceiro estará mais capacitado a cumprir com o que se espera dele e apto às mudanças do mercado.

O Conec é um evento democrático, que integra corretores de todos os portes e regiões. O Conec é do Brasil. A cada edição aumentamos o número de congressistas de outros estados, além dos corretores de São Paulo que vêm de todas as partes do Estado, sejam da capital, ou do litoral e interior. Estamos prontos para receber os visitantes com uma completa rede hoteleira, num total de 1.200 quartos, para hospedar cerca de 3 mil pessoas. Assim como acontece em outras categorias profissionais, queremos que o corretor de seguros diga com orgulho a seus clientes que estará participando do maior congresso da sua atividade, buscando se capacitar mais e mais para atender a seus clientes.

A formatação da grade de palestras também terá mudanças este ano. Realizaremos grandes palestras, com impactantes temas a serem debatidos, em formato de um único auditório. Certamente teremos plenárias cheias, concentrando o foco de todos os congressistas presentes.

Por fim, reforço que o Conec teve alteração também na data: este ano será de 27 a 29 de setembro de 2018 (quinta a sábado).

Se o Conec já era o maior congresso de corretores de seguros reunindo 6 mil pessoas, agora iremos superar todos os recordes. Contamos com o apoio de todo o setor para ampliarmos a disseminação de conteúdo e relacionamento, contribuindo ainda mais com o desenvolvimento da categoria e dos negócios em geral.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário