garantia estendida mercado seguros gerais

Liberty é lider em garantia estendida para carro

libertyA Liberty Seguros emitiu 6.143 novas apólices de seguro de garantia estendida para automóveis no primeiro trimestre do ano, crescimento de 123,4% no comparativo com o mesmo período de 2009. “Investimos em treinamento da força de vendas, criamos um call center específico para os clientes de garantia estendida e fizemos força tarefa nas concessionárias”, comentou Luis Maurette, presidente da Liberty no País, em nota.

Maurette afirma que as vendas de garantia estendida estão crescendo tanto em veículos zero como na frota de usados. A Liberty detém 34% de share no trimestre, segundo dados da Superintendência de Seguros Privados (Susep). “Hoje temos mais de 1 milhão de veículos segurados pela Liberty no País e estamos trabalhando para ampliar a participação do produto em nossa carteira”.

Segundo Maurette, a Liberty tem operações de garantia estendida em cerca de 1.100 concessionárias distribuidas no País. “Nossa intenção é ampliar ainda mais a rede e continuar o processo de fortalecimento da relação com os parceiros e esclarecimento dos consumidores”.

A conquista da liderança de mercado neste nicho de negócios começou com a aquisição da Indiana Seguros. Relativamente novo no País, o seguro garantia estendida foi regulamentado há quatro anos. No ano passado, movimentou R$ 24 milhões em prêmios, um crescimento de 60% em relação a 2008, segundo dados da Susep.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

3 comentários

Deixar um comentário