microsseguro seguros gerais

PASI se reinventa a cada ano em busca da verdadeira democratização do seguro no país

Denise Bueno
Escrito por Denise Bueno

alaor silva pasirelease

Em 2014, o Plano de Amparo Social Imediato – PASI – completa 25 anos e mantém a tradição do início de suas operações: propiciar a cobertura de um seguro para o público de menor poder aquisitivo. Ele foi criado em 1989, com o propósito de resgatar a dignidade dos trabalhadores brasileiros e de suas famílias nas horas mais difíceis. Pioneiro e inovador, o PASI é o seguro de vida em grupo mais conhecido e recomendado do seu segmento e aceito em âmbito nacional.

“Há 25 anos, construímos um modelo de negócios sem precedentes, com um enorme impacto social. E hoje, todo nosso histórico e informações coletadas nos permitem avançar ainda mais para que, muito em breve, possamos nos reinventar e causar um impacto ainda mais surpreendente na sociedade como um todo”, declara Alaor Silva Júnior, presidente do Clube PASI de Seguros.

O PASI representa historicamente a origem do microsseguro no Brasil. Quando foi criado, atendia 4.500 trabalhadores e, hoje, possui mais de 2,5 milhões de beneficiados, mais de 20 mil empresas conveniadas e 300 entidades de classe parceiras. Sua meta é conseguir beneficiar 100 milhões de brasileiros – direta e indiretamente.

“Além do nosso pioneirismo em atender a uma classe com quem ninguém queria trabalhar, inovamos também em conseguir pagar as indenizações em até 24 horas após a entrega da documentação do sinistro. E fomos além, ao abraçar nossa verdadeira vocação que é atender ao público de baixa renda de todos os setores de nossa economia”, relembra Alaor Silva Júnior.

Alaor Silva é enfático ao destacar que o PASI está em constante evolução, mas desde o seu nascimento é responsável pela democratização do seguro de vida e de acidentes pessoais no país. “Somos um laboratório, criamos dinâmica de novas coberturas, mas, temos muitos desafios, como identificar e suprir as necessidades reais da sociedade”, explica.

Segundo o presidente, é preciso oferecer benefícios que de fato sejam utilizados e isso requer muita pesquisa sobre alternativas de produtos e serviços amplos que atendam as necessidades específicas de determinados grupos de risco. As demandas veem com o convívio com as comunidades. “Microsseguro e seguro popular têm que estar no conceito humanitário e cabe a nós, instituições de seguros, acabar com a herança da pobreza no mundo”.

Primeiro seguro popular do Brasil

O PASI protege os trabalhadores ativos legalizados, os trabalhadores em regime de trabalho temporário e os terceirizados, além de empresas de qualquer porte e setor e possui ampla experiência no atendimento a Convenções Coletivas de Trabalho (CCT). Ele foi desenvolvido para aprimorar as questões sociais das empresas oferecendo tranquilidade para o empresário e amparo ao trabalhador. Com processos simplificados, proporciona recursos financeiros imediatos caso ocorra algum dos eventos cobertos pelo plano.

O Plano de Amparo Social Imediato não tem em sua carteira um perfil único de empresas clientes e disponibiliza planos para diversos modelos de corporações, independente do porte. Os benefícios acoplados aos planos são os tradicionalmente conhecidos pelo mercado e os que foram desenvolvidos de maneira diferenciada nos últimos anos, como cestas básicas na ocorrência da morte do titular do plano; reembolso de despesas com rescisão trabalhista para a empresa, em caso de falecimento do segurado; cobertura para invalidez congênita, que oferece assistência ao filho do segurado que tenha uma doença que comprometa sua vida; cobertura para invalidez por doença profissional, e a cesta natalidade, que oferece kits com utensílios para a mãe e o bebê.

Números do PASI

– 2.500.000 segurados, entre titulares e dependentes

– Mais de 20 mil empresas conveniadas

– Parceria com mais de 300 entidades de classe

– Ultrapassou os R$ 116 milhões em valores indenizados

– Presente nas 27 unidades federativas

– 49 mil empresas já experimentaram o seguro PASI

– Mais de 23 mil indenizações efetivadas

– Possui 3.900 corretores de seguros cadastrados

Exclusividades e diferenciais do PASI

– Fácil contratação e manutenção

– Indenizações em 24 horas após o recebimento da completa documentação

– Possui 25 anos de experiência no mercado

– Não há preenchimento de declaração pessoal de saúde

– Plano desenhado de acordo com a necessidade do cliente

– Protege 24 horas por dia, dentro e fora do ambiente de trabalho

– Possui a melhor relação custo x benefício do mercado

– Não há limite de idade para trabalhadores ativos legalizados

– Não possui qualquer tipo de carência

– Atende empresas de qualquer porte

– Contratações a partir de um segurado

– Os trabalhadores estão automaticamente cobertos a partir da data de sua contratação na empresa

Produtos PASI

Coberturas básicas de seguro convencional, assim como as coberturas e benefícios complementares criados pelo PASI para atender as necessidades dos segurados e das empresas:

1991 – Auxílio Alimentação – Cestas Básicas em caso de morte do titular;

1993 – Nascimento de filhos com doença congênita;

1995 – Cobertura extensiva a empregados domésticos;

1997 – Reembolso à empresa das despesas com rescisão trabalhista – caso de morte do titular;

2006 – Pagamento antecipado especial por consequência de doença profissional;

2009 – Cesta Natalidade – Nascimento de filhos

Conquistas, Premiações e Citações

– Prêmio de Melhor Seguro Social Nacional, concedido pela ANSP – Academia Nacional de Seguros e Previdência;

– No estudo realizado pelo CBEDS – Conselho Empresarial Brasileiro – é reconhecido e citado como o microsseguro pioneiro no mercado segurador nacional, constante na linha do tempo na fase intitulada “Primórdios do Microsseguro”;

– No relatório Internacional do CENFRI – Centro de Regulamento e Inclusão Financeira, encomendado pela FUNENSEG – Escola Nacional de Seguros e pela CNSEG – Confederação Nacional das Empresas de Seguros, o PASI é citado como um modelo vitorioso de microsseguro e

– Nos relatórios da comissão consultiva de microsseguros da SUSEP, o PASI é reconhecido e recomendado como pioneiro em seu segmento de atuação e um case nacional de sucesso a ser seguido, assim como no relatório de pesquisa realizado pela FUNENSEG – Escola Nacional de Seguros – sobre produtos da iniciativa privada correlacionados com o microsseguro, onde é dedicado ao PASI um capítulo dentre os programas existentes.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário