companhias

Zurich adota coberturas globais para ramo de Engenharia

Denise Bueno
Escrito por Denise Bueno

Release

Visando deixar as regras de Seguro de Riscos de Engenharia mais claras ao consumidor, a Zurich, seguradora global com 78 anos de atuação no Brasil, inovou e adotou suas coberturas globais para as apólices comercializadas no mercado brasileiro.

Este tipo de seguro atende as necessidades das empresas da construção civil e montadoras de equipamentos com relação aos riscos a que estão expostas durante a realização de seus serviços. Com a mudança, a Zurich espera ampliar sua carteira de cliente neste ramo de maneira a atender melhor seus corretores e clientes.

Em 2016, a SUSEP – Superintendência de Seguros Privados já havia publicado uma circular adotando novas coberturas, porém a Zurich foi além e passa a ter um produto mais completo para mercado brasileiro.

Como novidades para o mercado, a Zurich traz a possibilidade ao segurado informar a seguradora sobre obras paralisadas, sem risco de perda de cobertura; bem como a inclusão de Obras temporárias na cobertura básica.

Outras mudanças abrangem coberturas adicionais para itens como despesas de combate a incêndio, custo de preparação de reclamações de sinistro, reparos temporários, Cobertura de Incêndio após o Término da Obra até 90 dias, entre outras.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário