carreira

MEC autoriza lançamento do primeiro MBA em Seguros a distância

Denise Bueno
Escrito por Denise Bueno

Fonte: Escola

A Escola Nacional de Seguros obteve, nesta quarta-feira, 30 de agosto, autorização do Ministério da Educação – MEC para oferta do MBA Gestão de Seguros e Resseguro, primeiro MBA da Instituição na modalidade a distância (EAD). O parecer favorável foi publicado no Diário Oficial da União.

O curso chega para atender a um grande contingente de profissionais do setor, principalmente aqueles que moram em cidades onde a Escola não mantém Unidade. “Estamos muito orgulhosos com essa conquista, pois temos a certeza de que iremos beneficiar centenas, talvez milhares de profissionais que desejam ter no currículo um MBA com foco específico no setor”, comemora o diretor geral da Escola, Renato Campos.

A Instituição obteve nota máxima em todos os quesitos avaliados pelo MEC, o que comprova que o MBA terá qualidade igual à do programa presencial – que já é reconhecido pelos profissionais do setor –, mas com benefícios únicos do EAD, como flexibilidade de horário e local de estudo, e autonomia para ditar o ritmo do aprendizado.

Outro aspecto favorável do MBA a distância é o investimento, cerca de um terço menor que o do programa em sala de aula. “Temos uma enorme expectativa nesse curso, acreditamos que ele será um divisor de águas na história recente da Escola, justamente por poder ser cursado em qualquer localidade do Brasil e no exterior, principalmente por profissionais de países lusófonos”, avalia o diretor de Ensino Superior da Escola, Mario Pinto.

Com lançamento oficial marcado para setembro próximo, durante a Conseguro, e início das aulas previsto para março de 2018, o curso é composto por 22 disciplinas e tem investimento de R$ 15.260,00, parcelável em 24 vezes. Empresas conveniadas à Escola têm condições especiais.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário