Uncategorized

Na segunda edição do ´Papo Seguro`, o presidente da CNseg destaca que as empresas do setor são as únicas autorizadas pelo governo a operarem no mercado

Denise Bueno
Escrito por Denise Bueno

Fonte: CNseg

“Você sabe para que servem as seguradoras?”. Com esta indagação, o presidente da CNseg, Marcio Coriolano, inicia a segunda edição do “Papo Seguro” do “CNseg – o canal seguro”. Conhecer a relevância das empresas de seguros é o primeiro (e fundamental) passo para o consumidor sentir-se verdadeiramente protegido, orienta o executivo.

Coriolano reforça aos espectadores serem as empresas do setor as únicas entidades autorizadas pelo governo para a prestação do serviço ao consumidor: “As seguradoras fazem gestão de uma longa cadeia de atividades, que vai desde o desenho do produto, passando pelo cálculo do risco, pelo pagamento das indenizações até todo o atendimento ao consumidor. É por isso que as seguradoras são as únicas registradas pelo governo para exercer essa atividade.”

Um consumidor bem informado é garantia de mercado seguro e eficiente. Mas para que esse amadurecimento se torne realidade, Coriolano ensina alguns caminhos: “O seguro precisa ter a permanente segurança da garantia de empresas sólidas. Elas lidam com a poupança e com bens preciosos das pessoas. Tenha cuidado. Antes de comprar, certifique-se que o seu seguro vem de uma seguradora”, conclui o presidente da CNseg.

Inaugurado no dia 15 de março e veiculado no YouTube, o “CNseg – o canal seguro” é a mais nova iniciativa da CNseg dentro do Programa de Educação em Seguros, que visa ampliar e aprofundar o relacionamento do setor segurador com os consumidores e a sociedade em geral.

O canal tem a missão de esclarecer a população acerca dos produtos e serviços oferecidos pelo setor de seguros, com uma programação com entrevistas, debates, colunas de especialistas e até uma série, que será lançada em abril. A presidente do BNDES, Maria Silvia Bastos Marques, foi a primeira entrevistada especial do canal.

“Tudo que queremos com o Programa de Educação em Seguros é esclarecer de verdade o consumidor, dar informação, conhecimento. O consumidor só pode escolher quando tem educação, no sentido cidadão do termo, que é o de ter conhecimento suficiente para tomar melhores decisões”, diz Marcio Coriolano.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário