Uncategorized

Valeu Bradesco por dar a São Paulo a ciclofaixa

ciclofaixa1Quem acordou cedo neste domingo de garoa em São Paulo para ir participar do Passeio Ciclístico promovido pela Bradesco Seguros, em São Paulo, se divertiu muito e vai começar a semana de bem com a vida. O encontro reuniu mais de 1 mil pessoas. Segundo comunicado do grupo, a pedalada fez parte das comemorações do 1º ano da CicloFaixa de Lazer, projeto patrocinado pela Bradesco desde a inauguração e que integra os parques das Bicicletas, do Povo e Ibirapuera. Entre os participantes, estavam os atores Carlos Casagrande, Fábio Vilaverde , as atrizes Fernanda Pontes e Thais Pacholek e o apresentador Thunderbird. Também eu, meu marido, minha filha e o Altamiro estavamos lá com a equipe de imprensa da Bradesco Seguros.

ciclofaixa2Em um ano de atividade, a CicloFaixa atraiu 728 mil pessoas, que pedalaram em 52 domingos entre os parques do Povo, Ibirapuera e das Bicicletas. E em breve os ciclistas poderão pedalar por mais 10 quilômetros, pois já está prevista a extensão ao atual percurso, incluindo os parques Villa Lobos e Cidade Universitária. Inaugurada em 2009, a CicloFaixa recebe em média 14 mil pessoas por domingo, das 7 horas às 14 horas, nos trechos que somam 10 quilômetros nos dois sentidos. Em dias ensolarados, o contingente chega a 20 mil pessoas.

Além de contribuir para a qualidade de vida dos paulistanos, a CicloFaixa tem estimulado a integração familiar e social. São frequentes relatos de pessoas dizendo que há anos não tiravam suas bicicletas da garagem e, com a CicloFaixa, mudaram seus hábitos de domingo, especialmente para pedalar com as famílias, público predominante a partir das 09 horas. Antes desse horário, é mais comum encontrar jovens e esportistas pedalando.

“Os resultados nos deixam satisfeitos porque mostram a grande adesão dos paulistanos ao projeto. O que nos leva a expandir e proporcionar mais lazer ao público”, afirmou Enrique Adan, diretor de marketing do grupo Bradesco Seguros, o último a fazer discurso antes da largada.

Recente pesquisa realizada pela Fabra & Quinteiro Publicidade com cerca de 500 pessoas, nos três trechos da CicloFaixa, confirma que o paulistano está pedalando mais e com frequência. Entre os entrevistados, a maioria (76%) respondeu que passou a pedalar mais; 60% disseram que pedalar passou a ser um hábito e igual percentual afirmou que utiliza a CicloFaixa todos os domingos. A enquete confirma, ainda, o poder agregador da iniciativa, tendo em vista que 86% das pessoas revelaram pedalar na companhia de maridos e/ou esposas.

Outro aspecto importante é que quase a totalidade dos entrevistados (94%) considera importante a existência de ciclovias na cidade de São Paulo. “Pedalar não apenas faz bem à saúde, mas também é uma prática de bem-estar integral e vida saudável, fatores essenciais no aumento da longevidade”, afirmou Enrique Adan.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário