Uncategorized

Tufão no Japão pode causar perdas de US$ 1,5 bi

images3As perdas para a indústria de seguros do tufão Melor ocorrido no Japão estão estimadas entre US$ 850 milhões e US$ 1,5 bilhão, segundo a AIR, empresa americana especializada em riscos de catástrofes.

Segundo as agências, pelo menos duas pessoas morreram e outras 32 ficaram feridas no tufão que obrigou mais de 11 mil pessoas a deixar as suas casas na ilha de Honshu, a maior do Japão. Os pedidos de indenização virão de perdas de segurados com destelhamento de imóveis e perda de conteúdo, em infraestrutura, com a destruição de pontes, e lucro cessante, com a paralisação de atividades consequente do corte de energia.

No Japão, as construções são adaptadas as catástrofes naturais freqüentes no país, o que ajuda a reduzir os estragos gerados com tufões e terremotos.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário