Uncategorized

Aquisição da Bradesco na Odontoprev traz ganhos

1233596984a458d61O aumento da participação da Bradesco Dental no mercado de seguro odontológico será benéfico para o grupo, avalia a corretora Link Investimentos em relatório divulgado hoje. Segundo fato relevante divulgado nesta segunda-feira, feriado no mercado securitário, o Bradesco fechou acordo para assumir 43,5% da OdontoPrev. A Bradesco Dental será incorporada pela OdontoPrev e em troca o banco receberá ações da companhia.

Caso se concretize, o Bradesco passará a ser acionista da maior empresa de planos de saúde odontológico da América Latina. A Odontoprev é responsável por cerca de 25% do mercado, com uma carteira de 2,6 milhões de clientes no final de junho deste ano.
o grupo poderá se beneficiar da venda cruzada de planos médicos e odontológicos, analisa a corretora. Nos últimos cinco anos, este nicho evoluiu a uma taxa média de quase 20%.

A surpresa, segundo a corretora, ficou na aquisição de uma participação minoritária por parte do Bradesco, que até agora vem demonstrando interesse em compras onde pode deter o controle acionário. Apesar de gostar de ter o controle, o grupo investe em segmentos prioritários quando é possível fazer um bom negócio, como no início deste ano, quando comprou uma fatia minoritária na rede de laboratórios Fleury.

Após os órgãos reguladores aprovarem a negociação, a nova empresa surge com 3,9 milhões de clientes, sendo 2,6 milhões da OdontoPrev e 1,3 milhão da Bradesco Dental, com receita líquida anualizada de R$ 533 milhões.

Segundo informou o Bradesco em fato relevante, “a associação das duas companhias deve proporcionar ganhos de escala e de sinergia com combinação das melhores práticas de gestão de sinistros e, principalmente, pela combinação das plataformas comerciais e do acesso aos canais de distribuição do Banco Bradesco”.

Pelo novo acordo de acionistas firmado entre Bradesco e o fundador da OdontoPrev, o banco indicará três de oito membros do Conselho de Administração, incluindo seu presidente. Zanetti permanecerá na presidência-executiva da companhia.

O segmento dental, assim como o de seguro, necessita de escala para ser lucrativo. Em razão disso, a consolidação da Odontoprev se deu por uma série de fusões ao longo dos últimos anos, como da DentalCorp e da Careplus, informa o relatório. “Acreditamos que o potencial de crescimento do setor é elevado para os próximos anos, com aumento da penetração dos planos odontológicos”.

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário