internacional mercado resseguro seguro seguros gerais

Perda com investimentos reduz lucro da Liberty

images16As vendas do grupo Liberty Mutual no primeiro trimestre deste ano evoluíram 7,6%, para US$ 7,03 bilhões, crescimento de US$ 521 milhões sobre mesmo período de 2008. O lucro líquido, excluindo-se as perdas provenientes da desvalorização de ativos, foi de US$ 270 milhões, comparada a US$ 321 milhões no ano anterior. O lucro líquido final do trimestre foi de US$ 28 milhões e os ativos avançaram em US$ 414 milhões sobre dezembro, totalizando US$ 104,7 bilhões. Um resultado significativo, levando-se em consideração a queda de 6% no PIB americano.

No entanto, as perdas com catástrofes e com investimentos reduziram a rentabilidade no período. As indenizações no período passaram de US$ 166 milhões para US$ 326 milhões nos três primeiros meses do ano. Além disso, a volatilidade dos mercados acionários e os efeitos da crise financeira causaram perdas financeiras de US$ 373 milhões, comparada ao ganho de US$ 60 milhões em mesmo período do ano passado.

“O resultado operacional do Grupo mostra o nosso foco contínuo em crescer com rentabilidade. No entanto, nós sentimos o impacto negativo do mercado de capital como mostra a queda nos valores dos ativos de nosso portfolio de investimento”, disse o CEO do grupo Edmund Kelly, em nota divulgada sobre os resultado do trimestre. E completou: “A recente aquisição da Safeco resultou em crescimento de receitas e melhorou nossos resultados o que demonstra que a integração está atingindo nossas expectativas.”

Sobre a Autora

Denise Bueno

Denise Bueno

Denise Bueno sempre atuou na área de jornalismo econômico. Desde agosto de 2008 atua como jornalista freelancer, escrevendo matérias sobre finanças para cadernos especiais produzidos pelo jornal Valor Econômico, bem como para revistas como Época, Veja, Você S/A, Valor Financeiro, Fiesp, ACSP, Revista de Seguros (CNSeg) entre outras publicações. É colunista da revista Apólice, especializada em seguros, e também do SindSeg-SP. Escreveu artigos diariamente sobre seguros, resseguros, previdência e capitalizacao entre 1992 até agosto de 2008 para o jornal econômico Gazeta Mercantil.

Deixar um comentário